Projeto de Marlúcio muda as regras da Bolsa Universitária da OVG

24 de Março de 2017
por
A Assembleia Legislativa aprovou na tarde de ontem (23), em segunda e última votação, projeto de lei do deputado Marlúcio Pereira (PSB) que prevê uma nova forma do estudante carente do ensino médio conseguir a Bolsa Universitária oferecida pela Organização das Voluntárias de Goiás – OVG. Segundo o texto, os alunos com média anual acima de 8,5 automaticamente já garante o direito ao beneficio sem precisar se inscrever. Para entrar em vigor, agora a matéria segue para a sansão do governador, Marconi Perillo (PSDB).

O projeto também prevê que além da média de 8,5 o estudante também terá de apresentar comprovadamente de renda mensal inferior a R$2.000,00 (dois mil reais) ou o aluno-trabalhador cuja renda mensal per capita não ultrapasse R$ 500,00 (quinhentos reais).

Também serão cobradas dos alunos bolsistas frequência e avaliação positiva, ao longo da permanência no ensino médio. “Com este projeto estaremos proporcionando a elevação da escolaridade, garantindo a especialização por área do saber, e resgatando o direito do acesso ao ensino superior ao garantirmos uma bolsa integral em forma de poupança trienal aos alunos que frequentam o ensino médio e possuem média acima de 8,5. Desta forma vamos incentivá-los a estudarem e se dedicarem cada vez mais”, justificou o deputado Marlúcio.