HDT recebe certificado ONA 2

Hospital é o único especialista em infectologia do Brasil com o título

27 de setembro de 2018

O Hospital Estadual de Doenças Tropicais dr. Anuar Auad (HDT), da SES  – Governo de Goiás, gerido pelo Instituto Sócrates Guanaes (ISG), recebeu, nesta quarta-feira, dia 26 de setembro, após visita de educador do Instituto Brasileiro para Excelência em Saúde (IBES), a certificação de Acreditado Pleno – Nível 2, da Organização Nacional de Acreditação (ONA). A conquista significa que o hospital, além de atender aos critérios de segurança do paciente, também apresenta gestão integrada, com processos ocorrendo de maneira fluida e plena comunicação entre as equipes. Com o título, o HDT se torna o único hospital especialista em infectologia no país certificado como Acreditado Pleno.

A mudança de nível de acreditação do hospital foi confirmada após duas auditorias realizadas por avaliadoras do IBES, uma nos dias 22 e 23 de maio e, a segunda, em 26 de setembro. Durante as visitas, os auditores avaliaram os processos de trabalho, estrutura física, sanitária, qualidade de atendimento, capacitação profissional, entre outros. Segundo a diretora geral da unidade, Aline Oliveira, a conquista é de extrema importância. “Esse certificado coroa os esforços da equipe ISG/HDT em uma gestão que trabalha incansavelmente em busca de novas ferramentas e implementação de novos processos e serviços com o objetivo de proporcionar melhorias contínuas na qualidade e segurança do paciente”, declara. O fundador e diretor-presidente do ISG, André Guanaes, adianta que a mais nova certificação fará com que o hospital intensifique os cuidados e trabalhos para avançar ainda mais. “Essa conquista é motivo de muito orgulho para nós e serve como combustível para trabalharmos de maneira cada vez mais incansável para proporcionar, à nossa gente, uma saúde pública com cada vez mais eficiência e transparência”, afirma.

HDT – Primeiro e único hospital de doenças infecciosas do Brasil com certificado ONA, Nível 1 – recebido em setembro de 2014, o HDT, fundado em 10 de janeiro de 1977, é uma unidade da Secretaria de Estado da Saúde de Goiás (SES-GO), referência no tratamento de doenças infecciosas e dermatológicas. Presta atendimento eletivo e de emergência de Média e Alta Complexidade, devidamente referenciado pelos Complexos Reguladores Estadual/Municipal. É gerido, desde julho de 2012, pela organização social Instituto Sócrates Guanaes (ISG). Desde então, o HDT vem consolidando cada vez mais sua posição de referência junto à população.

 

Com uma visão humanizada, o HDT realiza, em média, 3.700 atendimentos médicos emergenciais e ambulatoriais por mês, e cerca de 8 mil atendimentos multidisciplinares. O número médio de cirurgias mensal é de 60 e, de internações 200. Desde o início da gestão do ISG, em 2012, a média mensal de exames e diagnósticos saltou de 15 mil para 21 mil em 2017. Focado em uma melhor assistência ao usuário, o hospital conseguiu reduzir o tempo de internação do paciente. Em 2017, o tempo de internação da UTI adulto caiu de 14 dias para 9; da UTI pediátrica, de 15 para 11 dias; e da emergência, de 4 para 1. Com ações eficazes realizadas pelo Serviço de Controle de Infecção Hospitalar (SCIH), houve redução também nos números da densidade de infecção. Na UTI adulto, de 50‰ para 15‰; e da UTI Pediátrica, de 28 ‰ para 11 ‰.

Título A ONA é uma entidade não governamental, sem fins lucrativos, que certifica a qualidade do serviço de saúde no Brasil, com foco na segurança do paciente. Essa entidade tem por objetivo promover um processo constante de avaliação e aprimoramento nos serviços de saúde, tendo como foco a melhoria da qualidade da assistência no país.