Com relatoria de Lêda Borges, projeto de lei que cria colégio militar em Abadiânia é aprovado na Assembleia

3 de Maio de 2018

O projeto de lei encaminhado pelo Governo do Estado de Goiás, com relatoria da deputada estadual Lêda Borges (PSDB), que dispõe sobre a criação do Colégio Estadual da Polícia Militar de Goiás (CEPMG) na cidade de Abadiânia, foi aprovado nesta quinta-feira (03/05), em sessão na Assembleia Legislativa do Estado de Goiás (Alego). Com emenda do deputado Carlos Antônio (PTB) em primeira votação, a proposta também irá beneficiar o município de Anápolis que ganhará mais uma unidade deste sistema de ensino.

            “Solicitei ao Marconi Perillo que encaminhasse à Assembleia, com abaixo-assinado da população, a criação do colégio de Abadiânia. Nós temos orgulho desta instalação, as famílias aprovam e têm orgulho de ver os filhos estudando nestas unidades”, comentou ao defender o projeto.

            A deputada afirmou ainda que a proposta não terá impacto orçamentário e financeiro, já que irá funcionar em colégio estadual já existente e caso seja necessário, a convocação de militares da reserva remunerada se dará conforme previsto na Lei n°19.966.

            Além disso, Lêda Borges informou que trabalha para que ao menos uma unidade seja instalada nas maiores cidades que compõem a região do Entorno de Brasília. “É uma região que já fizemos muito e continuaremos trabalhando para obter melhorias. É uma região que cresce 15% ao ano e é merecedora do que está acontecendo”, disse.

           Depois de ser emendado, o projeto de lei protocolado sob o n° 1423/18 foi aprovado em duas votações sem objeção dos demais parlamentares. Agora, a matéria de autoria da governadoria seguirá para a sanção do atual governador José Éliton.