Acusados de matar Policial Civil em Morrinhos vão a júri popular em Goiânia

21 de março de 2019
Acusados de matar Policial Civil em Morrinhos vão a júri popular em Goiânia

Os acusados de matar o Policial Civil Kleber César Farias, 37 anos, vão a júri popular em Goiânia, nesta quinta-feira, 21, no Fórum Cível Heitor Moraes Fleury. Segundo as investigações, uma emboscada foi arramada pelo seu sócio Jaziel dos Santos de 49 anos, que encomendou o assassinato ao pintor da empresa, Sileildo Francisco da Silva de 31 anos.

O Policial Civil e dono da empreiteira, Kleber César Farias, foi morto com golpes de faca em outubro de 2017, em uma casa em construção em Morrinhos. De acordo com as investigações, Kleber era responsável pela administração da empresa, e Jaziel cuidava da mão de obra e supervisão dos serviços.

O pintor da obra confessou o crime, e disse que matou o homem a pedido do sócio do policial, que lhe pagaria 10 mil reais como recompensa. O motivo do assassinado seria por desentendimentos nos negócios entre Kleber e seu sócio, Jaziel.