Vanderlan cresce e muda cenário da disputa ao Senado

Das primeiras pesquisas até a última, Vanderlan Cardoso cresceu mais de 10%.

20 de setembro de 2018

A última pesquisa realizada pelo Instituto Grupom confirma que a eleição para o Senado Federal está completamente indefinida. O vereador Jorge Kajuru e o empresário Vanderlan Cardoso cresceram e já estão tecnicamente empatados com o primeiros colocados. Marconi Perillo e Lúcia Vânia sofreram uma oscilação negativa indicando que poderá haver mudança dos nomes que lideram a disputa já na próxima pesquisa.

Vanderlan cresceu 10,2% em relação às primeiras pesquisas e está a apenas 2,3 pontos do primeiro colocado, Marconi Perillo, que caiu de 30,5% para 29,7%. Considerando a margem de erro, que é de 3,34%, Vanderlan pode ter até 30,74%, assumindo o primeiro lugar na disputa. A senadora Lúcia Vânia, que já está no seu segundo mandato no Senado Federal, teve uma queda ainda mais brusca, saiu de 33,1% para 29,4% das intenções de voto.

“Se você olhar algumas pesquisas atrás nós estávamos com 17,2% e agora já estamos com 27,4%. É um crescimento sustentável, que vem se mantendo a cada pesquisa. Nossa campanha começou depois de todas as outras e já estamos tecnicamente empatados com o primeiro colocado. Isso é sinal de que a população está entendendo nossas propostas e escolhendo renovar as pessoas que vão mandar para o Senado”, afirma Vanderlan.

De acordo com o candidato os levantamentos mostram que, quanto mais as pessoas descobrem que ele é candidato ao Senado, mais aumenta sua intenção de votos. “Os eleitores cansaram de mandar as mesmas pessoas para o Senado Federal. Tem alguns políticos que estão lá há quase vinte anos e a gente não vê nenhuma atitude concreta para ajudar o Brasil a sair dessa situação difícil que entrou, com desemprego crescente, inflação comendo grande parte do salário do trabalhador e os impostos levando o que sobra. Os eleitores estão notando que, pra mudar, será preciso trocar os que foram pra lá e nada fizeram”, destaca.

Vanderlan contou que está intensificando as visitas no interior a fim de levar suas propostas para o maior número possível de eleitores para que “eles tenham as informações necessárias para escolherem os melhores candidatos e os mais preparados”.

“Na quarta-feira estivemos em Ceres, Rialma, Jaraguá, Goianésia e, mais uma vez, em Anápolis. Quinta-feira e sexta feira é a vez do Entorno do Distrito Federal. Estamos andando por todo o Estado, mostrando que temos vontade de trabalhar e capacidade para fazer as mudanças que Brasil e Goiás precisam”, explicou o candidato.