Vettel vence em Silverstone! Hamilton faz recuperação brilhante, terminando em segundo.

9 de julho de 2018
Junior Cardoso
por

Junior Cardoso tem 23 anos, é profissional da área gráfica e apaixonado por automobilismo. Desde 2016 é editor da página Falando de Motor no Facebook, a qual destina suas energias nas horas vagas.

O Grande Prêmio da Inglaterra começou com grande expectativa e um clima festivo mas terminou com um pódio suado para Lewis Hamilton. Fora do resultado que esperava, o inglês teve que se contentar com o segundo lugar.

Realmente Hamilton teve razão ao se decepcionar. Depois de garantir a pole, Lewis poderia enfrentar cara a cara o seu rival, Sebastian Vettel, que largou em segundo. O inglês não fez uma boa largada e permitiu que Vettel e Valtteri Bottas o ultrapassassem antes da primeira curva. Mais à frente as chances de vitória desapareceram quando foi tocado por Kimi Räikkönen, ainda na primeira volta.

Hamilton sofre toque na terceira curva

Vettel não teve o mesmo problema. Tracionou bem na largada, tomou a primeira posição e Bottas o acompanhou. Enquanto isso, Hamilton sofreu a batida e fez uma rápida recuperação. O inglês já estava no top seis em 11 voltas de corrida mas ainda estava 27 segundos atrás de Vettel.

Na metade da corrida, Lewis deu outro vacilo: fez uma sequência de voltas rápidas e ficou muito tempo com pneus macios, parando apenas na volta 25 e colocando pneus médios, voltando atrás de Räikkönen em sexto, 10 segundos atrás do finlandês.

Na volta 32, entrou o safety-car devido a batida de Marcus Ericsson. Para a sorte do inglês da Mercedes, isso permitiu que ele se aproximasse dos líderes. A Ferrari imediatamente trouxe os dois pilotos aos boxes, colocando pneus novos e a Mercedes manteve Hamilton e Bottas na pista, ganhando as primeiras posições.

Marcus Ericsson perde o controle da Sauber

Foram seis voltas em regime de safety-car e depois da bandeira verde parecia que tudo ficaria mais equilibrado. A corrida mal recomeçou, quando Carlos Sainz e Romain Grosjean se enroscaram, trazendo mais uma vez o safety-car a pista. Bandeira verde novamente e Vettel atacou Bottas que defendeu brilhantemente. Hamilton também sofreu pressão de Räikkönen.

Como as Mercedes estavam com os pneus mais gastos, as Ferrari tinham a vantagem. Foi um lindo duelo na pista altamente veloz de Silverstone. Um duelo que colocou o GP da Inglaterra como um dos melhores do ano.

No entanto, foi Vettel quem levantou o maior troféu. O alemão atacou Bottas na volta 47 e partiu para a vitória. O finlandês tentou segurar, mas devido aos pneus gastos acabou perdendo a posição, não só para Vettel, mas também para Hamilton e Räikkönen

Vettel parte para cima de Bottas

E esse foi o desfecho: Vettel, Hamilton e Räikkönen no pódio. Talvez se a Mercedes tivesse trago os seus dois carros para os boxes durante o safety-car, o final seria melhor para a equipe alemã.

Enquanto isso, a Ferrari e Sebastian Vettel mantêm a liderança do campeonato. Fortes candidatos ao título.

O Pódio