À espera de um novo Brasil

8 de novembro de 2018
Gisele M. Machado
por

Coach de Relacionamento e Palestrante Motivacional

O Brasil é uma terra muito rica, abençoada por Deus “e bonita por natureza”. Tudo o que você planta, dá. Não tem fenômenos naturais devastadores, só os provocados pela estupidez do homem, que insiste em devastar e aumentar o efeito estufa. Mesmo assim, a natureza ainda tem piedade de nós e não nos castiga tanto.

Durante muitos anos, essa terra foi colonizada pelos índios, aí veio o homem “branco” e tomou deles esse patrimônio. Só que com esse homem, veio também uma cultura muito triste, que tem se perpetuado ao longo dos anos, a cultura do “eu me dando bem, que mal tem”. E com isso, passando de geração em geração a doença da corrupção. Essa doença maligna, destrói sem dó nem piedade, uma grande maioria. Lembrando que, a corrupção não está só no âmbito da política, infelizmente está em todo lugar que se permite corromper. Porém, vamos nos ater no estrago que ela faz no âmbito público.

Temos uma Constituição clara, que nos garante benefícios básicos e que deveriam ser dignos, mas com tantos desvios, a saúde está morta, a educação, na UTI, a segurança falida, enfim, tudo o que nossos impostos deveriam retribuir, são desviados por pessoas inescrupulosas e sem coração, porque roubar de quem precisa e falta gravíssima. Temos que mudar urgente a nossa cultura. Temos que olhar para o bem público como algo de todos e não de uma minoria, os impostos têm que serem devolvidos para a sociedade geral.

De quatro em quatro anos temos a chance de mudar o cenário político, porém, o que se percebe é que alguns brasileiros insistem em continuar reelegendo quem não tem uma conduta séria, voltada para representar a população. Contudo, nesta eleição, houve uma pequena renovação com novos deputados e senadores. Esse novo Executivo promete fazer uma gestão diferente, ocupando as pastas pessoas tecnicamente preparadas e não barganha política. Afinal, quando elegemos deputados e senadores é para que trabalhem no Congresso e não no em cargos no Executivo.

O mais importante neste momento é apoiar esse novo governo, independente de partidos políticos, o que tem que ser olhado agora é para o bem do Brasil. Fazer oposição só para afrontar porque perdeu, não faz o menor sentido, chega a ser uma covardia com esse povo já tão sofrido. Chegou a hora de um novo Brasil. Que nossos representantes pensem num bem maior que é toda a população carente de tudo que está falido neste país. Precisamos conquistar a dignidade humana básica, temos que finalmente trabalhar pelos brasileiros e não apenas alguns brasileiros.

Vamos fazer um novo Brasil, sem corrupção, sem o famoso “jeitinho brasileiro”. Vamos reescrever à nossa história, investindo pesado na educação que já está provado que uma nação só consegue ser grande, quando a educação é prioridade. Vamos todos ajudar para que agora possamos ser e ter um Brasil melhor. Acorda Brasil!